quarta-feira, 31 de março de 2010

Após discurso de prestação de contas, Ricardo assina termo de renúncia e Luciano assume PMJP

"Me sinto muito feliz em ter administrado essa cidade durante esses cinco anos".
Discurso_Ricardo_20100331_213734
O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) escolheu a obra marco de sua gestão, a Estação Ciência, para realizar a solenidade de renúncia do cargo. Em um evento marcado por emoção, com presenças ilustres e ampla participação popular, o socialista deixou o cargo de prefeito, deixando o comando da capital sob a responsabilidade do vice Luciano Agra (PSB).


Antes do discurso de posse foi constituída a Mesa Diretora da Câmara Municipal, com Durval Ferreira (PP), Zezinho Botafogo (PSB) e Benilton Lucena (PT) e sem a presença do líder do governo na Casa de Napoleão Laureano, Tavinho Santos (PTB). Logo depois o prefeito Ricardo Coutinho (PSB) iniciou o seu discurso de 22 páginas, uma espécie de prestação de contas da sua gestão. O socialista iniciou a fala declamando a ‘Canção da Despedida’ de Geraldo Vandré.
Emocionado o gestor declamou os seguintes versos “Já vou embora, mas sei que vou voltar/Amor não chora, se eu volto é pra ficar/Amor não chora, que a hora é de deixar/O amor de agora, pra sempre ele ficar/Eu quis ficar aqui, mas não podia”. Ricardo prestou contas de como utilizou o dinheiro público, agradeceu aos seus auxiliares pelo empenho e a população de João Pessoa que lhe deu a oportunidade de gerir a capital do Estado.
"Estive até este momento como prefeito de João Pessoa e volto à condição de cidadão comum. Outras tarefas se configuram no crepúsculo e no novo amanhecer. Entrei de cabeça erguida, peito aberto e com a alma cheia de sonhos - lastreado pela grande maioria da população. Saio com o espírito renovado e com o sentimento forte de ter transformado em realidade mais do que havia sonhado. Saio como entrei, convicto da força e da necessidade do Poder Popular, da democracia participativa e da inversão de prioridades como instrumentos essenciais para a construção de uma nova sociedade, fraterna, auto-transformadora, socialista e democrática", disse o socialista durante discurso.

Do PoliticaPB


Deputado Luiz Couto faz pronunciamento no Plenário da Câmara sobre a desincompatibilização de Ricardo Coutinho

O deputado federal Luiz Couto (PT) registrou, nesta quarta-feira, no plenário da Câmara Federal, a desincompatibilização do prefeito Ricardo Coutinho (PSB), que será candidato ao Governo do Estado nas eleições deste ano. Couto enfatizou a liderança política de Ricardo e destacou que desde 2008 o PT integra a Administração Municipal do socialista. O parlamentar fez quase que um balanço completo da gestão de Ricardo, falando das obras mais importantes e elogiando a honestidade do prefeito.
“Nos cinco anos e três meses à frente da administração pública municipal de João Pessoa, o Prefeito soube resgatar para o patrimônio público espaços que se achavam alienados a terceiros; mais que isso, promoveu a auto-estima da cidade com obras de caráter humanístico que impactam profundamente o espírito da cidadania. Tem sido uma administração honesta, em que os recursos públicos têm servido para promover o bem público. Parcerias importantes com o Governo Lula, têm possibilitado a realização de obras de enorme impacto social. A cidade é outra, bem melhor daquela do passado”, declarou o parlamentar.
Luiz Couto enfatizou, ainda, que as parcerias com o Governo Lula possibilitaram a construção e reforma de mais de 5.000 casas; são mais de 500 ruas pavimentadas e drenadas; 10 novos Centros Integrados de Educação Infantil foram construídos, equipados e estão funcionando plenamente; 08 novas Escolas Padrão foram construídas e entregues à população; 23 Ginásios construídos; 175 novas salas de aula; 64 escolas totalmente reformadas.
“Nesse particular, meu empenho pessoal em assegurar recursos para algumas realizações, seja através de emendas individuais e de bancada, bem como intermediando pleitos junto a Ministérios para consolidar projetos, convênios e outras formas de parceria do Governo Federal com o Município. Iniciativas de políticas públicas, muitas vezes complexas, foram implementadas com sucesso extraordinário. Assim foi com a reconstrução do Mercado Central e com a reforma e construção de novos mercados públicos em bairros populares da cidade; foram construídos shoppings centers, proporcionando o acesso e a formalização ao mercado de trabalho de um grande número de trabalhadores ambulantes; um terminal de integração de transporte público municipal foi construído e implementado com muito sucesso, tendo sido, recentemente, ampliado para a área metropolitana; um Mercado de Peixe foi construído em Tambaú, na orla de João Pessoa”, registrou Couto.

ParlamentoPB



Câmaras de Alhandra e Pombal têm contas desaprovadas

O Tribunal de Contas do Estado desaprovou as contas de 2008 da Câmara Municipal de Alhandra por remuneração excessiva dos vereadores que, agora, têm o prazo de 60 dias para devolução coletiva de R$ 78,5 mil aos cofres públicos, conforme voto do relator Umberto Porto e o parecer do Ministério Público ratificado pelo procurador geral Marcílio Toscano Franca Filho.

Outra Câmara, a de Pombal, teve as contas de 2008 rejeitadas por gasto excessivo de combustível, com imputação de débito superior a R$ 15 mil ao presidente João de Sousa Leite Filho, como entenderam o relator Fernando Catão e o órgão ministerial. Cabem recursos de ambas as decisões.

Danos ao Erário motivaram a desaprovação das contas de 2006 da Secretaria de Assistência Social de Campina Grande assinadas por José Vanildo Medeiros, a quem o TCE imputou o débito de R$ 17.425,00, conforme voto do relator Flávio Sátiro. Foi este, também, o motivo da rejeição às contas de 2007 da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Campina, com imposição do débito de R$ 58.440,00 ao gestor Arlindo Pereira de Almeida, como entendeu o mesmo relator. Ambos podem recorrer das decisões. 

Ascom/TCE
Credito: Frutuso Chaves

terça-feira, 30 de março de 2010

Dois assaltantes invadem apartamento no Cabo Branco em João Pessoa e fazem cinco mulheres refém desde as 20hs

Dois homens invadiram um apartamento localizado no bairro de Cabo Branco, em João Pessoa na noite desta terça-feira (30) e fizeram pelo menos cinco mulheres como reféns. A movimentação foi iniciada por volta das 20h. A polícia foi acionada e fechou o cerco em frente ao local. Um policial foi atingido no pescoço e encaminhado para o Hospital de Emergência e Trauma.
De acordo com informações policiais, os bandidos são conhecidos por Leandro e França. Os dois criminosos teriam vindo do Rio de Janeiro especialmente para seqüestrar o empresário do ramo da Construção Civil Hebert Maia, que também é dono do apartamento invadido. O plano dos criminosos não deu certo, pelo menos em sua totalidade, já que Maia não se encontrava nas dependências do imóvel.
Mais de 20 policiais estão no local e tentam negociar com os bandidos para liberar as mulheres, entre elas a esposa, a nora, as duas filhas do empresário e ainda a funcionária do apartamento. 


Com informações PBAgora

Governo concede reajuste salarial e greve de professores é encerrada


Aumento de 7,86% consta de medida provisória assinada pelo governador José Maranhão
Terminou na tarde desta terça-feira (30) a greve dos professores da rede estadual de ensino. A decisão foi tomada durante uma assembléia geral que ocorreu em João Pessoa. Após 30 dias de paralisação, a categoria encerrou o movimento e aceitou o reajuste de 7,86% concedido pelo Governo do Estado, através de medida provisória assinada pelo governador José Maranhão, a ser publicada no Diário Oficial do Estado. Com o fim da greve, as escolas voltam a funcionar normalmente na próxima segunda-feira (5). O calendário de reposição das aulas será definido em comum acordo com o sindicato da categoria e a Secretaria de Estado da Educação e Cultura (SEEC).
O índice será retroativo a janeiro. Além disso, os professores irão receber 5% de aumento salarial a cada mudança de classe. Ou seja, o percentual será aplicado após a conclusão de cursos de licenciatura, especialização, mestrado e doutorado por parte do docente.
Além disso, o governo baixou duas portarias oferecendo cursos de qualificação para os profissionais através da rede estadual de ensino e outros benefícios aplicados de acordo com a carreira no magistério.  
Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras de Ensino da Paraíba (Sinteep/PB), Antônio Arruda, cerca de 22 mil professores e quatro mil funcionários dos colégios estaduais deixaram de trabalhar durante a mobilização, que começou no dia 1º de março.
O secretário de Educação e Cultura, Sales Gaudêncio, informou que o reajuste foi oferecido pelo governador José Maranhão no último sábado (27) durante uma audiência concedida aos representantes dos professores no Palácio do Governo, em João Pessoa.
O secretário explicou que os docentes reivindicavam uma equiparação de salários com o piso nacional. No entanto, o Ministério da Educação ainda não havia definido o índice. Foi preciso que o MEC recorresse à Advocacia Geral da União (AGU), que indicou o percentual de 7,86%. “Assim que foi definido, o governo aceitou pagar o índice recomendado pela AGU e ofereceu a proposta aos professores”, destacou o secretário.
Sales ressaltou ainda o interesse do governo em colocar um fim no movimento que estava prejudicando mais de 350 mil alunos. “Desde que o movimento começou, o governo se colocou à disposição para discutir o assunto. Foram três audiências concedidas, que mostraram o compromisso do Estado com a educação”, observou o secretário.
Para Antonio Arruda, o reajuste de 7,86% concedido aos professores pelo Governo do Estado é visto pela categoria como uma conquista. “Avaliamos esse movimento como vitorioso”, enfatizou.
A Fonte

segunda-feira, 29 de março de 2010


Professores em greve analisam aumento de 7,86%; decisão sai na terça

Os professores e trabalhadores da rede estadual de ensino se reúnem nesta segunda-feira (29) em 12 assembleias regionais a serem realizadas em toda a Paraíba com o objetivo de discutir a proposta de 7,86% de aumento salarial feita pelo governador José Maranhão (PMDB) na tarde do sábado (27) ao Comando de Greve.
Em Campina Grande, o encontro acontece às 15h na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado (Sintep/PB). Já a assembleia geral está marcada para as 15h da terça-feira (30), em João Pessoa. Nesta ocasião, deverá ser dado um parecer final sobre a oferta do Governo.
A categoria parou as atividades desde o dia 1º de março, deixando 500 mil alunos sem aulas. O Sintep informou que a greve tem a adesão de cerca de 23 mil pessoas, entre professores, como supervisores, orientadores, merendeiras, psicólogos escolares e vigias.
Os grevistas pedem a instalação do piso salarial nacional. Para isso, seria necessário um aumento de 15,93% para o magistério e a implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) para os funcionários. Segundo Arruda, atualmente o vencimento (piso salarial) do magistério é de R$ 610,00 para uma carga horária de 30 horas semanais. O vencimento chegaria a R$ 825.
Ainda constam nas exigências: aumento da gratificação de diretores e adjuntos, recuperação das mais de 300 escolas que estariam sucateadas, correção dos níveis e a convocação de todos os concursados.

PBHoje

domingo, 28 de março de 2010

Prefeito de Santa Luzia implanta novo piso dos professores


O prefeito de Santa Luzia, Ademir Morais, encaminhará a Câmara Municipal de Santa Luzia nos próximos dias mensagem implantando no município o piso nacional dos professores, em consonância com a lei número 11 738, que estabelece o piso salarial para todos os professores da Educação básica.

Segundo a mensagem que será enviada ao legislativo municipal a Prefeitura de Santa Luzia estará reajustando o salário dos professores em 28% para os professores de nível I, 20% para os de nível II, e, 10 para os docentes de nível III.

O aumento salarial dos professores foi um compromisso assumido pelo prefeito Ademir Morais. “Foi um compromisso nosso assumido e vamos cumprir, mesmo com todas as dificuldades financeiras e administrativas, mas vamos valorizar os docentes da nossa Rede de Ensino, da nossa educação, para que eles possam educar e ensinar melhor as nossas crianças e nossos jovens”. Disse o prefeito.



VandNwes

sábado, 27 de março de 2010

GREVE DOS PROFESSORES ESTADUAIS: Governo faz proposta mas comando greve recusa e impasse continua

Impasse: Governo e professores não firmam acordo e greve na rede estadual continua


O comando de greve dos professores da rede estadual de ensino recusou agora há pouco um reajuste salarial para todas as categorias de 7,68% retroativo a janeiro oferecido pelo Governo do Estado, durante audiência neste sábado no Palácio da Rendenção.

De acordo com o coordenador do sindicato dos trabalhadores em educação do estado, Antonio Arruda, foi feita uma contra proposta que as áreas de finanças e educação ficaram de estudar e responder na segunda-feira. Segundo Arruda, foi reivindicado um aumento diferenciado para a categoria funcional do magistério. 

Na terça-feira, os professores e servidores de apoio, em greve desde o dia primeiro de março voltam a se reunir em assembleia para avaliar a resposta do governador. 

Para o coordenador do sindicato, não houve muito avanço nos dias de discussão sobre as reivindicações da categoria. “Sem uma resposta efetiva a greve continua”, garante Arruda. 

O movimento, segundo avaliação do sindicalista, atinge 15 mil professores e seis mil técnicos em educação, além de 400 mil estudantes em todo estado. 

Antonio Arruda não acredita que o ano letivo esteja perdido, mas para repor as aulas será necessário entrar em 2011. 


Do ClickPB
Crédito: Fernando Rodigues

Governo Maranhão repete as mesmas práticas que condenou no governo Cassio


Image

O Governo do Estado através do Programa Praça da Gente leva às cidades do interior os mesmos serviços oferecido no governo anterior através do Programa Ciranda de Serviços com exceção da distribuição de cheques.
Conforme diz Aguinaldo Almeida em sua coluna no PolíticaPB, a assessoria do governador encaminhou release a imprensa comemorando os mais de 21 mil atendimento feitos pelo programa no município de Cuité. Esses atendimentos são nas áreas de saúde, cidadania, educação, justiça e lazer. Ou seja a mesma coisa que fazia o governo Cássio no "Ciranda de Serviços".
Acrescenta ainda Aguinaldo que o "Ciranda" foi decisivo para que Tribunal Superior Eleitoral cassasse o então Governador Cássio Cunha Lima.
Nos seis municípios que  passou, o programa já  prestou 129.159 serviços, somente em Cuité 310 pessoaas puderam ser examinadas, diz o texto da assessoria. Um detalhe chama a atenção: “FOI DIAGNOSTICADO QUE 307 DELAS PRECISAVAM DE ÓCULOS E OS DEVERÃO RECEBE-LOS EM UM MÊS”.
QUALQUER SEMELHANÇA - NÃO É MERA COINCIDÊNCIA.

Da Redação

Prefeitura de João Pessoa adere a campanha "Hora do Planeta"

foto
A Prefeitura de João Pessoa (PMJP) vai participar da 'Hora do Planeta' 2010. As luzes do Paço Municipal e da Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura e Arte, serão apagadas neste sábado (27), entre 20h30 e 21h30. Esta é a segunda vez que a Prefeitura participa do movimento mundial de alerta contra o aquecimento global. No ano passado, a PMJP aderiu ao apagar as luzes do anel externo da Estação Ciência.
O objetivo da campanha é chamar a atenção das lideranças mundiais para o aquecimento global. Para isso, a proposta é que pessoas de todo o mundo participem apagando as luzes de suas casas durante uma hora, neste sábado. Várias pessoas e entidades em todo mundo já aderiram a 'Hora do Planeta'.
O movimento teve início em 2007, sendo realizado apenas na cidade de Sydney, na Austrália. No ano seguinte, a 'Hora do Planeta' ganhou uma maior dimensão, com novos adeptos. Ao todo, 371 cidades participaram do movimento em 2008. Já em 2009, o movimento superou todas as expectativas, inclusive com a inclusão do Brasil. Neste ano, mais de quatro mil cidades em 88 países apagaram as luzes, dentre elas João Pessoa.
Além da PMJP, a população pessoense pode participar do movimento em defesa da vida na terra, basta apagar as luzes ou mesmo reduzir o consumo de energia em sua casa no horário previsto para a manifestação.

Secom/PMJP

Eleições 2010: Serra volta subir e coloca 9 pontos a frente de Dilma em pesquisa realizada pelo DATA FOLHA


Foto:Arquivo PSDB
Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado, 27, mostra o pré-candidato do PSDB à presidência, o governador de São Paulo, José Serra, nove pontos à frente da pré-candidata do PT, a ministra Dilma Rousseff. Segundo o levantamento, realizado nos dias 25 e 26 de março, o tucano tem 36% das intenções de voto, enquanto a petista aparece com 27%. Há um mês, eles tinham 32% e 28%, respectivamente, no mesmo cenário.

O deputado federal Ciro Gomes (CE), pré-candidato do PSB, ficou com 11%, de 12% na pesquisa de fevereiro, e a pré-candidata do PV, senadora Marina Silva (AC) permaneceu estacionada com 8%. Dos 4.158 brasileiros com mais de 16 anos entrevistados, 7% disseram que vão votar branco, nulo ou estão indecisos e 11% não souberam responder.
No cenário de segundo turno, numa eventual disputa entre Serra e Dilma, o tucano também venceria por uma diferença de nove pontos. Serra aparece com 48%, contra 39% de Dilma. Em fevereiro, os porcentuais eram de 45% e 41%, respectivamente.
De acordo com o Datafolha, o pré-candidato Ciro Gomes registrou o maior índice de rejeição entre os presidenciáveis neste mês, com 26%, seguido por Serra, com 25%. Dilma aparece na sequência, com 23%, e Marina Silva tem 22%. Em fevereiro, Serra liderava as rejeições, com 26%, enquanto Dilma e Ciro tinham 23% e 21%, respectivamente. A pré-candidata do PV tinha 19% de rejeição no mês passado.
O levantamento tem margem de erro de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. A pesquisa Datafolha foi registrada sob o número 6617/2010.

Data Folha

quinta-feira, 25 de março de 2010

Proposta do deputado Branco prevê implantação de Programa de Qualidade Ambiental na PB

Proposta de Branco Mendes prevê implantação de Programa de 
Qualidade Ambiental na PB
A instituição de um “Programa de Qualidade Ambiental”. É o que propõe o deputado Branco Mendes através do projeto de lei 1.418, que tramita na Assembléia Legislativa desde outubro do ano passado.De acordo com o parlamentar, a intenção é incentivar a constante melhoria da qualidade do serviço prestado pelos diversos órgãos e entidades do Poder Público; além de promover mudanças nos padrões de consumo e estimular a inovação tecnológica e ecologicamente eficiente.

Estimular a adoção de medidas de prevenção e redução do impacto ambiental, causado por produtos e serviços potencialmente danosos ao meio ambiente. Esta é outra pretensão da iniciativa que, segundo Branco Mendes, vem ganhando vulto desde 2000, quando o Ministério do Meio Ambiente, através de uma iniciativa do Consórcio Parceria 21, apresentou um documento de subsídios à elaboração da agenda 21 brasileira.

Branco lembra que, naquela ocasião, abordou-se o tema do consumo e produção sustentáveis, estabelecendo como premissa a implementação de políticas públicas na área; bem como o preceito de que o setor público deve usar o poder de compra do Estado para induzir o mercado de bens e serviços a adotar padrões de qualidade ambiental.

Branco Mendes observa que os países desenvolvidos já adotam políticas de consumo e de produção sustentável, nas opções de compra pelo poder público. Ele considera que este seja um, entre os muitos, papel do legislador: incentivar a prática da sustentabilidade ambiental. “É, cada vez mais, necessário difundir na sociedade a cultura do consumo sustentável”, salientou.

ClickPB

ACIDENTE ENVOLVENDO DOIS CAMINHÕES CONGESTIONA TRÁFEGO PRÓXIMO A ENTRADA DO CONDE

Um grave acidente envolvendo dois caminhões que bateram de frente no município do Conde, provoca neste momento um grave congestionamento e prejudica a vida dos motoristas que precisam se deslocar para a cidade do Recife.
Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, a orientação é de que os motoristas que pretendem se dirigir até a capital pernambucana, utilizem a PB 008 e evitem o congestionamento.
Na colisão dois pernambucanos morreram: um da cidade de Rio Formoso e o outro que havia pegado uma carona, acabou não resistindo aos ferimentos e também faleceu. A PRF também informa que a perspectiva é de que em até três horas o trânsito seja liberado.

PB Agora

quarta-feira, 24 de março de 2010

Sob a presidência de Ricardo Marcelo AL busca alternativas para limpar pauta da Casa


No exercício da presidencia  da Assmbleia Legislativa, o deputado Ricardo Marcelo não tem medido esforços para contornar os impasses, que têm surgido nas últimas sessões,  inclusive  com esvaziamento do plenário para obstrução de votações.
Após longa reunião hoje na sala da presidencia, com líderes de bancadas, partidos e blocos parlamentares o deputado disse que conseguiu uma grande avançao na busca de alternativas para limpar a pauta e marcou para amanhã uma nova reunião com a Comissão de Mérito para análise dos vetos do Excutivo às emendas dos deputados ao Orçamento de 2010.
"Após essa deliberação dos vetos já poderemos a gendar para limpar a pauta na sessão da próxima terça-feira", garatiu Ricardo Marcelo.

Da Redação

EM SESSÃO NA MANHÃ DE HOJE TCE REPROVA CONTAS DE GESTORES E EX-GESTORES


O Tribunal de Contas do Estado emitiu parecer contrário à aprovação das contas de 2008 da ex-prefeita de Piancó Flávia Serra Galdino, a quem imputou o débito de R$ 185.378,59 por despesas não comprovadas, em sua maior parte, a título de recolhimentos ao INSS. A decisão deu-se conforme voto do conselheiro Umberto Porto, relator do processo, e o parecer do Ministério Público ratificado pelo procurador geral Marcílio Toscano Franca Filho.

Despesas também não comprovadas, sobretudo com recursos do Fundeb, ocasionaram o débito de R$ 59.155,40 e a reprovação do TCE às contas de 2007 do ex-prefeito de Livramento José de Arimatéia Lima, conforme entendimento do relator José Mariz e o parecer ministerial.

Na mesma sessão plenária, o TCE decidiu pela desaprovação das contas de 2006 do prefeito de Santa Rita Marcos Odilon Ribeiro Coutinho, como entenderam o Ministério Público e o relator Antonio Gomes Vieira Filho. As falhas mais graves disseram respeito a contratos de servidores por excepcional interesse público e irregularidades na execução de obras públicas municipais. Mas não houve assinalação de débito, de vez que isso já havia sido feito quando do exame dessa última questão pela 1ª Câmara Deliberativa da Corte, com imputação de R$ 62.356,03.

O não recolhimento de contribuições previdenciárias contribuiu para a rejeição às contas de 2008 da Câmara Municipal de São Vicente do Seridó, processo sob relatoria do auditor Renato Sérgio Santiago Melo. Já a Câmara Municipal de Cuité obteve a aprovação com ressalvas às contas de 2007 e 2008 submetidas ao exame do Tribunal, com multas de R$ 500,00 por exercício, como propôs o mesmo relator. Cabem recursos contra todas essas decisões.

As ausências dos relatores Fernando Catão e Fábio Nogueira, ambos em viagem a serviço do TCE, motivaram o adiamento do exame das contas de 2008 do ex-procurador geral do Estado Harrison Targino, da Câmara Municipal de Pombal e da Fundação Casa do Estudante. Suspensa agora há pouco a sessão plenária do TCE será retomada, logo mais, às 14 horas, após o período reservado ao almoço.

ASCON/TCE
FrutuosoChaves

Resultado de Pesquisa do Correio para Senador tem divergências nos Portais

No gráfico abaixo com a logomarca do Vox Populifoi exibido no ClickPB: Efraim aparece em terceiro com 8%, embora na quarta linha depois de luiz Couto que aparece com 7%. No Portal Correio, que é o responsável pela divulgação da pesquisa, Efraim aparece com 6% em quarto lugar 2% a menos do que no gráfico e na mesma modalidade de intenção de voto estimulada. Numa pesquisa com 3,5% de margem de erro 2 pontos podem significar 5 e aí não faz sentido o resultado. Pergunta-se em qual resultado acreditar?
Vox
Veja abaixo os textos com resultado da pesquisa Vox Populi divulgado no PBagora tendo como fonte o Correio e o próprio Portal Correio e confira a divergencia para o gráfico.

PBAGORA 
Pesquisa de intenções de voto (consulta estimulada) realizada pelo Instituto Vox Populi para o Senado na Paraíba aponta liderança do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), com 39% das intenções de voto na primeira opção. Em segundo lugar, segundo o Vox Populi, aparece o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), com 11%.
O deputado federal Luiz Couto (PT) aparece em terceiro lugar, com 7%. Em seguida, está o senador Efraim Morais (DEM), com 6%. O deputado federal Manoel Júnior (PMDB) tem 5%, mesmo percentual do deputado federal Wilson Santiago (PMDB).

PORTAL CORREIO
Pesquisa de intenções de voto (consulta estimulada) realizada pelo Instituto Vox Populi para o Senado na Paraíba aponta liderança do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), com 39% das intenções de voto na primeira opção. Em segundo lugar, segundo o Vox Populi, aparece o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), com 11%.
O deputado federal Luiz Couto (PT) aparece em terceiro lugar, com 7%. Em seguida, está o senador  Efraim Morais (DEM), com 6%. O deputado federal Manoel Júnior (PMDB) tem 5%, mesmo percentual do deputado federal Wilson Santiago (PMDB). Os deputados federais Vital Filho (PMDB) e Wellington Roberto (PR) estão com 3% cada. E o senador Roberto Cavalcante tem 1%.
Os eleitores que estão dospostos a não votar em ninguém  ou que pretendem votar em branco e anular o voto são 8%. Do total de entrevistados, 12% não sabem em quem votar ou não responderam. 
Atualizada às 6h42.

Da Redação com
Portal Correio
PBagora

terça-feira, 23 de março de 2010

Lula cria "Bolsa Combustivel" em ano eleitoral



O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) afirmou em discurso que "não há como não suspeitar" da intenção do presidente Lula por ter assinado decreto nesta semana concedendo o que ele chamou de "bolsa combustível" para funcionário comissionado federal que usar o carro próprio ao trabalhar. O auxílio será de no máximo de R$ 327 por mês e a chefia do funcionário terá de atestar que ele teve que se deslocar para trabalhar.
- Por que só agora? Por que no mês de março do ano da eleição? Não seria uma medida eleitoreira? Por que só agora, no oitavo ano de governo? O objetivo não seria abastecer os veículos dos governistas de confiança na campanha eleitoral? Não há como não suspeitar dessa decisão do presidente da República. Não há como não considerar essa medida desonesta - disse o senador paranaense.
Alvaro Dias ponderou ser necessário "buscar alguma providência jurídica para impedir que isso se faça em ano eleitoral". Para ele, a crítica não se deve unicamente ao valor da indenização, que exigirá dos cofres federais R$ 25 milhões por mês, mas sim "pela exigência ética no trato da coisa pública".

Agência Senado

segunda-feira, 22 de março de 2010

Luis Couto participa de inaguração com Ricardo e evidencia racha do PT


O Deputado Federal Luis Couto, ex-presidente estadual do PT, participou ao lado do Prefeito Ricardo Coutinho (PSB), da inauguração do CCSV - Centro de Comércio e Serviço do Varadouro, na manhã desta segunda-feira.
Sua presença ao lado Ricardo derruba a tese de unificação do PT em torno da candidatura a reeleição do governador Maranhão do PMDB.
Mesmo tendo sido derrotado na eleição interna, Couto ainda detém influência sobre expressiva parcela  do partido, tanto que seus seguidores assinaram documento em apoio a candidatura de Ricardo, contrapondo-se a maioria que apoia a aliança com o governador Maranhão.
Ambos os documentos serão apreciados por ocasião do congresso estadual do PT em abril, mas a decisão final poderá ficar para junho qunado ocorrerão as conveções partidárias.

Da Redação
Com o Blog do Luís Tôrres

Contrariando decisão do PTB, Tavinho diz que votará em Ricardo

tavinho-santos-tv-15-09-09-1_20100205_135507
O Vereador Aristávora Santos, o Tavinho,  afirmou, na tarde de hoje, que embora seu partido tendo decidido apoiar o projeto de reeleição do Governador Maranhão ele permanecerá apoiando e votando com Prefeito e pré-candidato a governador Ricardo Coutinho.
Mesmo com os membros da executiva do meu partido decidindo apoiar Maranhão, mantenho meu apoio e continuarei votando no prefeito Ricardo Coutinho”

Da Redação 
com PolíticaPB

PREFEITO DE PRINCESA ISABEL É CASSADO


r21575_img03_20100322_200640
A Justiça Eleitoral cassou o mandato do prefeito de Princesa Isabel, Thiago Pereira (PMDB), e da sua vice Tereza Lúcia da Costa Sousa Araújo por abuso de poder político e econômico durante o pleito eleitoral de 2008.
O juiz Rúsio Lima de Melo, responsável pela sentença, determinou a posse imediata do segundo colocado, José Nominando (PSDB). Ainda cabe recurso da decisão.

Do PolíticaPB

Dia Mundial da Água


 
 História do Dia Mundial da Água
O Dia Mundial da Água foi criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) no dia 22 de março de 1992. O dia 22 de março, de cada ano, é destinado a discussão sobre os diversos temas relacionadas a este importante bem natural.
Mas porque a ONU se preocupou com a água se sabemos que dois terços do planeta Terra é formado por este precioso líquido? A razão é que pouca quantidade, cerca de 0,008 %, do total da água do nosso planeta é potável (própria para o consumo). E como sabemos, grande parte das fontes desta água (rios, lagos e represas) esta sendo contaminada, poluída e degradada pela ação predatória do homem. Esta situação é preocupante, pois poderá faltar, num futuro próximo, água para o consumo de grande parte da população mundial. Pensando nisso, foi instituído o Dia Mundial da Água, cujo objetivo principal é criar um momento de reflexão, análise, conscientização e elaboração de medidas práticas para resolver tal problema.


No dia 22 de março de 1992, a ONU também divulgou um importante documento: a “Declaração Universal dos Direitos da Água” (leia abaixo). Este texto apresenta uma série de medidas, sugestões e informações que servem para despertar a consciência ecológica da população e dos governantes para a questão da água.


Mas como devemos comemorar esta importante data? Não só neste dia, mas também nos outros 364 dias do ano, precisamos tomar atitudes em nosso dia-a-dia que colaborem para a preservação e economia deste bem natural. Sugestões não faltam: não jogar lixo nos rios e lagos; economizar água nas atividades cotidianas (banho, escovação de dentes, lavagem de louças etc); reutilizar a água em diversas situações; respeitar as regiões de mananciais e divulgar idéias ecológicas para amigos, parentes e outras pessoas.


Declaração Universal dos Direitos da Água
Art. 1º - A água faz parte do patrimônio do planeta.Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos.


Art. 2º - A água é a seiva do nosso planeta.Ela é a condição essencial de vida de todo ser vegetal, animal ou humano. Sem ela não poderíamos conceber como são a atmosfera, o clima, a vegetação, a cultura ou a agricultura. O direito à água é um dos direitos fundamentais do ser humano: o direito à vida, tal qual é estipulado do Art. 3 º da Declaração dos Direitos do Homem.


Art. 3º - Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados. Assim sendo, a água deve ser manipulada com racionalidade, precaução e parcimônia.


Art. 4º - O equilíbrio e o futuro do nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende, em particular, da preservação dos mares e oceanos, por onde os ciclos começam.


Art. 5º - A água não é somente uma herança dos nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores. Sua proteção constitui uma necessidade vital, assim como uma obrigação moral do homem para com as gerações presentes e futuras.


Art. 6º - A água não é uma doação gratuita da natureza; ela tem um valor econômico: precisa-se saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo.


Art. 7º - A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada. De maneira geral, sua utilização deve ser feita com consciência e discernimento para que não se chegue a uma situação de esgotamento ou de deterioração da qualidade das reservas atualmente disponíveis.


Art. 8º - A utilização da água implica no respeito à lei. Sua proteção constitui uma obrigação jurídica para todo homem ou grupo social que a utiliza. Esta questão não deve ser ignorada nem pelo homem nem pelo Estado.


Art. 9º - A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades de ordem econômica, sanitária e social.


Art. 10º - O planejamento da gestão da água deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra. 

Suapesquisa.com

domingo, 21 de março de 2010

Ricardo não tem pressa para definir Vice e indicação só ocorrerá no final do prazo limite

Daniela: Definição da Vice de Ricardo Coutinho será feita nos últimos momentos
Daniela Ribeiro afirma que definição da vice de Ricardo Coutinho será feita nos últimos momentos: PP é uma opção
A vereadora de Campina Grande Daniela Ribeiro(PP), afirmou ao PB Agora neste domingo, que acredita que a definição da vice, na chapa de Ricardo Coutinho(PSB) será definida nos últimos instantes e que o seu partido possui credenciais para ocupar a vaga.  

Quanto a lembrança de alguns agentes políticos e do próprio Ricardo em citá-la como uma possível indicada, Daniela frisou que tudo é fruto do reconhecimento ao seu trabalho na câmara campinense e disse que o PP está a disposição para colaborar no processo de escolha: “Neste contexto o PP é um aliado de primeira hora do projeto de Ricardo, com um tempo de televisão importante e representantes como o presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, e o prefeito Ricardo Coutinho numa demonstração que entende bem de coletividade irá fazer a escolha certa”, salientou.

Ao PB Agora ,Daniela também disse acreditar que a escolha será feita na última hora: “Tudo vai ser construído no último momento, é uma tradição, entendemos e sempre foi assim, essa é a tradição da escolha no último momento, temos um nome para oferecer para a construção de uma nova Paraíba”, destacou.

Na conversa, Daniela Ribeiro considerou como prioritária a realização do projeto mandato popular onde durante todas as quartas-feiras do mês, são feitas visitas aos bairros da cidade para que sejam ouvidos os reclames da população e tudo é transferido em projetos e requerimentos de seu gabinete, ela também priorizou a candidatura de seu irmão o deputado estadual Aguinaldo Ribeiro (PP) à Câmara Federal.  

Fonte: PBagora
Crédito: Henrique Lima




Cícero Lucena pede agilidade na votação da Política Nacional para o lixo

O senador Cícero Lucena (PSDB-PB) previu em discurso que o Brasil deverá ter antes das eleições deste ano sua Política Nacional de Resíduos Sólidos, informando que a Câmara dos Deputados aprovou na semana passada um projeto (PLC 203/91) que trata do assunto. Lembrou que propostas com essa finalidade tramitam no Congresso há 19 anos. O projeto agora será examinado pelos senadores.

Cícero Lucena observou que o projeto tem "um texto moderno, abrangente e responsável", que define obrigações dos governos, cidadãos e empresários no gerenciamento do lixo. A proposta aprovada pela Câmara é de autoria do deputado Dr. Nechar (PP-SP), que tomou como base a redação preparada por um grupo suprapartidário coordenado pelo deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP).

De acordo com o senador, a geração de lixo urbano no Brasil gira próxima de 150 mil toneladas por dia, das quais de 55% a 60% ainda são destinados a lixões. Não existem sistemas de incineração de lixo urbano com controle ambiental - apenas 1% é incinerado, incluídos os resíduos dos serviços de saúde. Cada brasileiro produz por dia em média cerca de 800 gramas de lixo, quantidade que sobe para 1.200 gramas nas grandes cidades.

- Lamentavelmente, o lixo urbano é um dos grandes gargalos para as prefeituras. O que fazer? Onde depositar? - questionou.

Para o senador Cícero Lucena, a coleta seletiva de lixo é o ponto de partida, a qual aumentou substancialmente nos últimos nove anos. Em 1994, apenas 81 municípios faziam a coleta seletiva. Em, 2004, o número avançou para 237 e, em 2008, já era de 405. "Portanto é preciso criar condições favoráveis a esse mercado. Incentivando e organizando os catadores e fortalecendo as pequenas e médias empresas", pontuou.

Agencia Senado

2ª pesquisa encomendada pelo Sistema Correio revela Maranhão na frente de Ricardo


mara_e_ric_20100319_175852
A edição deste domingo (21) do jornal Correio da Paraíba traz o resultado da primeira pesquisa eleitoral realizada em 2010 pelo instituto Vox Populi para governador da Paraíba. Os dados da pesquisa trazem o governador José Maranhão (PMDB), candidato à reeleição, com 12 pontos a frente de seu principal adversário no pleito eleitoral deste ano, o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB).
A pesquisa quantitativa, realizada pelo Vox Populi, foi encomendada pelo Jornal Correio da Paraíba e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE). A mesma verificou junto ap eleitorado paraibano, entre os dias entre os dias 05 a 07 de março, os favoritos na disputa para governador do Estado da Paraíba.
Conforme a pesquisa o resultado obtido foi o seguinte: O peemedebista José Maranhão ficou em primeiro lugar com 44%  na preferência do eleitorado consultado. Em seguida veio o peessedebista Ricardo Coutinho com 32%  de aprovação dos paraibanos. Em terceiro lugar ficou o tucano Cícero Lucena com 8%.  Nulos e Brancos tiveram 7% e indecisos 9%.
Ainda de acordo com  a pesquisa  de voto estimulada, realizada  pelo instituto Vox Populi, o  governador José Maranhão lidera entre os eleitores do sexo masculino com 45%,  e do sexo feminino com 43%. Já o prefeito Ricardo Coutinho têm a preferência de  35% dos homens e de 30% das mulheres. E Cícero Lucena tem a preferência de 6% dos homens e  9% das mulheres.

PoliticaPB

sábado, 20 de março de 2010

Câmara Legislativa do DF convocará eleições indiretas em 30 dias

nunobsb's Avatar
Brasília – A Câmara Legislativa do Distrito Federal decidiu ontem (19) que vai realizar eleições indiretas em 30 dias para a escolha dos substitutos do governador cassado José Roberto Arruda (sem partido) e do vice-governador Paulo Octávio (também sem partido), que renunciou ao cargo.

A decisão foi anunciada nesta sexta-feira pelo presidente interino da Casa, Cabo Patrício (PT), logo após uma reunião da Mesa Diretora com o presidente em exercício do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), João de Assis Mariosi. Também participaram do encontro os deputados Eliana Pedrosa (DEM), Paulo Tadeu (PT) e Milton Barbosa (PSDB).
Segundo Patrício, a orientação do TRE é de que a Câmara Legislativa siga o que determina a Constituição Federal, realizando a eleição indireta 30 dias após a vacância dos cargos sem esperar pela alteração da Lei Orgânica do Distrito Federal, já aprovada em primeiro turno nesta quarta-feira (17). Com isso, as eleições devem acontecer no dia 16 de abril, já que a Câmara foi notificada ontem (18) da decisão do TRE.
A própria Procuradoria-Geral da Câmara Legislativa já havia dado parecer semelhante, embora a Lei Orgânica do Distrito Federal  – que é questionada no Supremo Tribunal Federal – estabeleça a substituição por linha sucessória, com o que deveriam ser conduzidos ao governo o presidente da Câmara, seguido, se necessário, pelo vice-presidente da Casa Legislativa ou pelo presidente do Tribunal de Justiça do Distrito Federal. 
A eleição só não ocorrerá caso a defesa de Arruda derrube a cassação do mandato do governador, determinada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Distrito Federal na última terça-feira (16), por Arruda ter se desfiliado do Democratas.
Ainda segundo o deputado, devido ao ineditismo da situação, ainda restam muitas dúvidas sobre a realização da eleição, como sobre a inscrição dos candidatos e sobre quantos candidatos poderão se inscrever por partido.
De acordo com o deputado Paulo Tadeu, Brasília vive a maior crise da história. “Nós vamos eleger um governador para um período curto, de no máximo oito meses, e o papel desse novo governador e vice, é tirar Brasília da crise”, disse. Segundo o deputado, um erro da Câmara nesta escolha, contribuirá de forma decisiva para intervenção federal em Brasília.
Os advogados de Arruda têm até segunda-feira (22) para apresentar recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
“Se no TSE, José Roberto Arruda conseguir uma liminar que anule as eleições, elas ficarão suspensas, mas por enquanto o prazo está correndo na Câmara”, afirmou Cabo Patrício. Segundo ele a Procuradoria da Câmara Legislativa consultará advogados constitucionalistas e solicitará que eles acompanhem todo o processo das eleições indiretas.
 Fonte:AgênciaBrasil

sexta-feira, 19 de março de 2010

Ricardo lança nesta sexta-feira projeto pioneiro "Jampa Digital"

Interação social e administrativa. Para alcançar esses objetivos, a Prefeitura de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec) e da parceria com o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), vai lançar oficialmente o projeto 'Jampa Digital'. A solenidade acontece nesta sexta-feira (19), a partir das 19h, no Busto de Tamandaré. Após o lançamento do projeto, o público vai conferir o show da cantora baiana Pitty.
Pioneira no Brasil, a iniciativa vai oferecer Internet de banda larga, de forma gratuita, à toda a população da Capital. Nesta primeira etapa do projeto, cerca de 35% da cidade vai estar coberta pelo serviço. Serão mais de cem pontos de assinante digital, que interliga a administração em uma rede de praças, escolas, Estações Digitais e a orla, abrangendo do Mag Shopping à Estação Cabo Branco. O serviço também vai alcançar as comunidades ao redor do ponto, em uma distância de até 800 metros. Nesta etapa do projeto, a expectativa é que 400 pessoas usem simultaneamente cada ponto disponibilizado .
O planejamento da equipe de Secitec é que até o mês de dezembro sejam colocadas dez estações, o que vai permitir que 85% do território de João Pessoa esteja inserido no projeto. A meta é que toda a população da cidade, os mais de 702 mil habitantes, sejam beneficiados. Até agora, a Prefeitura da Capital e o Ministério da Ciência e Tecnologia já investiram R$ 27 milhões na compra de equipamentos, que vão dar a infraestrutura física de tráfego de sinal, e nos aplicativos e conteúdo, dando com isso a estrutura necessária de conectividade e
acessibilidade. Anualmente, o projeto deve comportar R$ 10 milhões em recursos das duas esferas administrativas.
Cidadania - Todo este aparato tecnológico somado vai se transformar em
governança eletrônica, que possibilitará a interação entre cidadãos e o executivo municipal. O cidadão vai poder baixar da Internet materiais desenvolvidos por órgãos governamentais, permitindo ao usuário o aprendizado, o debate e a participação nas questões do fazer político. "Com o projeto 'Jampa Digital' o cidadão deixa de ser um agente passivo e começa a participar e interagir com o poder público, inclusive, sugerindo", exemplificou o diretor de Inclusão Digital de João Pessoa, Paulo Badaró.
No projeto, a pessoa não é tratada como um simples usuário, mas sim como um cidadão. Na proposta, cada um que habita em João Pessoa vai setransformar em um portal físico. Neste, todas as informações sobre o cidadão serão inseridas, assim como os 12 links correspondentes às
secretarias municipais e seus serviços. "Estamos disponibilizando para os cidadãos o acesso às ferramentas e ele vai buscar o conteúdo", frisou Paulo Badaró.
O projeto da 'Jampa Digital' está previsto no Plano de Ações Integradas (PAI), anunciado pelo prefeito Ricardo Coutinho no ano passado. Para a execução do projeto, foram mapeados os 450 endereços eletrônicos da PMJP, entre eles escolas, postos de saúde, Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans), Guarda Municipal, Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec), e demais secretarias.

Fonte: PBhoje
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...